E-commerce para a terceira idade: saiba como vender para esse público

E-commerce para a terceira idade: saiba como vender para esse público

Ter como clientes o público da terceira idade pode exigir algumas práticas mais cautelosas, mas uma coisa é certa: são consumidores que compram cada vez mais no e-commerce e há uma grande tendência de crescimento para os próximos anos.

Com o aumento no número de idosos comprando online, as empresas de comércio eletrônico devem entender como cativar, conquistar a confiança e se preparar para atender a essa parcela considerável de mercado.

Nesse artigo vamos te mostrar como preparar o seu e-commerce para o consumidor da terceira idade. Acompanhe a leitura a seguir e saiba mais!

Como preparar o e-commerce para o consumidor da terceira idade?

O consumidor da terceira idade é um público que vem crescendo bastante e se tornando cada vez mais ativo nos canais digitais. É perceptível é o aumento no número de idosos:

  • acessando à internet;
  • usando smartphone;
  • consumindo em ambiente digital.

Esse público é muito importante para a economia e, com base nisso, listamos a seguir algumas boas práticas que podem fazer com que esse público seja consumidor dos seus produtos ou serviços. Veja!

Garanta confiança nas transações

O público da terceira idade é mais acostumado com compras físicas, diferentemente do público mais jovem, que já cresceu com o desenvolvimento digital e está acostumado a buscar e realizar compras na internet.

Portanto, muitas vezes pode ser mais difícil fornecer dados e acreditar que as comprar realizadas serão concretizadas de forma segura.

Quem quer trabalhar com esse público deve mostrar que os procedimentos são seguros e eficazes, fazendo com que as garantias de entregas estejam explícitas e de fácil entendimento e que os prazos serão cumpridos.

Para confirmar a legitimidade do negócio, deixe visível os dados da empresa no máximo de páginas possível e busque oferecer um canal de atendimento 24h. Disponibilize dados como:

  • CNPJ;
  • telefone de contato;
  • chat online.

É fundamental, também, manter o cliente ciente de todas as etapas da compra e oferecer um rastreamento que possa ser acompanhado em tempo real.

Proporcione opções de pagamento

Os pagamentos online devem ser facilitados e é importante aderir a empresas conhecidas e reconhecidas no mercado. Dessa maneira, o cliente tema certeza de que se a transação não ocorrer como combinado, ele terá a garantia da devolução do dinheiro.

Oferecer formas de pagamento mais tradicionais também ajuda a conquistar esse público. Disponibilizar o pagamento via boleto bancário evita que o consumidor tenha que disponibilizar seus dados bancários na internet.

Ofereça um processo de compra facilitada na plataforma online

O layout do site deve ser otimizado para o público-alvo. Por isso, é preciso fazer com que o site seja intuitivo e de fácil assimilação por qualquer pessoa. Os principais comandos, como “comprar agora” e “acompanhe seu pedido”, devem estar bem visíveis.

A boa aparência e a usabilidade devem fazer com que o processo de compras seja uma boa experiência para o consumidor. Toda a experiência deve ser realizada com poucas ações, desde a escolha do produto, o preenchimento do cadastro e a finalização da transação. Invista em letras grandes e com fontes visíveis para facilitar o processo.

Proporcione canais de atendimento para tirar dúvidas

Todas as informações devem estar bem nítidas e de fácil visualização. Imagens e vídeos do produto e da loja podem ajudar a gerar mais confiança. Além disso, colocar recomendações, avaliações e depoimentos de clientes que já compraram pode ajudar bastante na decisão do cliente.

Mesmo com boas informações, descrições e avaliações, é indispensável oferecer canais de atendimento que resolvam problemas e tirem as dúvidas mais comuns. 

Chat online, mensagens e e-mails são boas opções, mas para conquistar a confiança desse cliente, inclua um canal de atendimento por telefone que esteja constantemente disponível para contato.

Qual é a importância do consumidor da terceira idade?

Esse público já conquistou uma estabilidade financeira e o seu poder de compra não tende a diminuir, pois o idoso está cada vez mais ativo, mais saudável e conectado. 

Como a expectativa de vida tende a aumentar, visto que cada vez mais os consumidores estarão com uma faixa-etária superior aos 60 anos, as empresas devem se adaptar para conquistar essa fatia do mercado.

Apesar de serem um promissor público-alvo, esse consumidor demanda algumas necessidades mais específicas e ainda conferem alguma resistência ao mercado digital, apesar de estarem cada vez mais confortáveis com o mundo online.

Portanto, é preciso criar um planejamento e se preparar para atender às necessidades e demandas desse público. Ter uma operação e processos direcionados ao consumidor da terceira idade é fundamental. É preciso experimentar, realizar testes e fazer as devidas correções para entender o que é preciso para cativar os consumidores.

Conversar e dialogar com os seus clientes fará com que você entenda muito sobre o que estão buscando, além da maneira que preferem consumir conteúdos e produtos. Quem está começando agora pode contar com a vantagem de adequar a empresa a um público que estará cada vez mais presente e acostumando com o mundo da tecnologia em um futuro próximo.

Para acompanhar mais dicas sobre e-commerce, siga as nossas redes sociais: Facebook e Instagram

Compartilhe este post!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Veja também!

Por que um e-commerce deve ter um blog?
Dicas MLO

Por que um e-commerce deve ter um blog?

Se você dirige um negócio online ou tem um comércio físico com um site de vendas, você pode estar avaliando se é ou não vantajoso

Já pensou em criar a sua própria loja online para vender seus produtos?

Clique no botão abaixo e conheça o nosso curso!

Chamar no Whats!
Dúvidas? Chama no whats!
E aí, bora aprender a criar sua própria loja online? 😎