Tendências do E-commerce para 2021

e-commerce

Você sabe que lojas online já são uma realidade e não mais uma tendência como eram há alguns anos.

Com a pandemia e seus desdobramentos, o avanço tecnológico dos próximos dois anos aconteceu de forma inesperada em poucos meses. Quem não estava online deu um jeito de se tornar digital o quanto antes para conseguir se manter no jogo.

As lojas físicas, assim como pequenas e médias empresas, viram na internet a oportunidade ideal de se manterem ativas, com as portas abertas, vendendo e realizando seus serviços, mesmo com o cenário incerto de 2020.

Para 2021, se essa ferramenta veio com tudo e todos estão utilizando, como se destacar?

A resposta é fácil: apostar nas tendências!

E para isso vamos te dar uma ajudinha, leia o artigo até o final e veja qual estratégia faz mais sentido para o seu negócio!

Personalização

O mercado eletrônico é bombardeado constantemente com novas ferramentas e tecnologias, o mesmo acontece com os consumidores.

Estão a todo momento recebendo um enorme fluxo de informações e já percebemos uma tendência desses consumidores de selecionar melhor as informações que recebem, ou seja, selecionam melhor suas experiências.

Quanto mais personalizado for o seu produto/serviço, atendimento e experiência como um todo, mais o seu consumidor se sentirá acolhido e confiante em comprar da sua marca.

SEO

Quando iniciou a onda do marketing digital, mídia paga era o nome do jogo e quanto mais você investisse, maior seria sua possibilidade de retorno.

Entretanto, com a enorme concorrência encontrada hoje no mercado digital, os próprios algoritmos dos maiores buscadores do mundo, já estão recompensando as empresas que se preocupam com a experiência do usuário e com o conteúdo fornecido para eles.

Como uma forma de encontrar o melhor resultado para as pesquisas, existe uma forma mais barata de aparecer no topo dos resultados, essa estratégia se chama SEO.

Algumas dicas de aplicação de SEO para e-commerce é:

  • reduzir o tempo de carregamento da página;
  • verificar o funcionamento de cada botão;
  • revisar a plataforma de pagamento e sua eficiência;
  • aplicar o design responsivo para adaptar seu site a cada tipo de tela.

Voice Commerce

Caso você ainda não conheça essa funcionalidade, esse é o tipo de compra feita por comandos de voz.

Esse tipo de compra é cada vez mais utilizado por usuários já acostumados com a tecnologia e que tenham assistentes de voz como Siri e Alexa.

Nos EUA, 35% das pessoas que possuem esses assistentes já realizaram uma compra através deles e essa é uma grande tendência do mercado, prepare seu e-commerce para atender esse tipo de demanda.

Chatbots

Esse tipo de atendimento é cada vez mais utilizado pelos e-commerces, responsáveis por desafogar as linhas de atendimento, os chatbots já são capazes de responder dúvidas, apresentar soluções, agendar consultas e lidar com reclamações.

A tendência para os chatbots é que eles se tornem cada vez mais reais e o cliente sinta-se praticamente conversando com uma pessoa de verdade.

B2B

B2B também é uma grande tendência para o comércio virtual, cada vez mais empresas entram nesse meio para vender para outras empresas, que por sua vez já estão se acostumando a fazer sua pesquisa de mercado neste meio.

Mobile

Da série “tendências que já são realidade”, a usabilidade e funcionalidade do seu e-commerce no celular é essencial para o sucesso da sua marca.

Mas lembre-se, esse tipo de dispositivo muitas vezes pede funcionalidades específicas e otimizadas para suas capacidades e restrições.

Principalmente nesse tipo de experiência é essencial remover obstáculos que impeçam o usuário de ir direto para o carrinho sem cliques extras.

Conteúdo

Criar relacionamento com seus clientes é a melhor maneira de retê-los.

Criação de conteúdo é hoje uma prática muito utilizada para criar esse relacionamento.

Para isso é necessário saber boas práticas da criação de conteúdo como utilização das palavras-chaves corretas, utilização de links internos e externos que geram autoridade para o seu conteúdo.

Esse tipo de marketing traz consumidores mais informados e prontos para a compra.

Realidade Aumentada

Uma das desvantagens amplamente conhecidas do comércio virtual é o fato de o consumidor não conseguir experimentar o produto antes de compra-lo.

As compras “às cegas”, pode assustar alguns clientes fiéis do comércio tradicional.

Para derrubar essa barreira, a nova tendência é utilizar a “realidade aumentada” como uma forma de levar a experiência de compra mais próxima do consumidor.

Um exemplo disso é uma marca de tinta disponibilizar uma ferramenta onde a pessoa possa “experimentar” por foto, a cor da tinta na parede da casa, ou uma loja de móveis que possibilite o usuário a ver como a peça fica na sua casa também através da câmera.

Produtos verdes e sustentáveis

Grande tendência do momento pós pandemia, a preocupação com o meio ambiente e a saúde estão em destaque e por isso marcas que utilizem esse selo (de forma verdadeira) se beneficiarão dessa tendência.

Pagamentos instantâneos

Brasil finalmente entrou na tendência dos pagamentos instantâneos com a criação do PIX.

Esse método de pagamento elimina a resistência das pessoas que ainda tem receio de realizar compras online por medo de fraudes, trazendo novos usuários.

É normal que com o tempo o boleto caia em desuso, o que é positivo para ambos os lados, agilizando prazos de entrega e reduzindo custos do lojista.

Tendências e Marketing Digital

O marketing digital, apesar de não ser mais uma tendência é ainda assim o melhor aliado para o seu e-commerce.

Na internet você não conta com o público que passa na rua e encontra a sua loja, para encontra-los é necessário investir nesse tipo de estratégia, aparecendo nas páginas de resultado (de preferência no topo) e atraindo seus potenciais clientes.

Seguindo todas essas dicas e entrando na onda das novas (e não tão novas) tendências para 2021, você conseguirá ter um e-commerce de sucesso, atraindo cada vez mais clientes e tendo cada vez mais sucesso.

Se você gostou desse conteúdo, compartilhe-o com seus colegas de trabalho, com seus amigos empreendedores e ajude-os a entrar em 2021 com as estratégias certas!

Compartilhe este post!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Veja também!

Por que um e-commerce deve ter um blog?
Dicas MLO

Por que um e-commerce deve ter um blog?

Se você dirige um negócio online ou tem um comércio físico com um site de vendas, você pode estar avaliando se é ou não vantajoso

Já pensou em criar a sua própria loja online para vender seus produtos?

Clique no botão abaixo e conheça o nosso curso!

Chamar no Whats!
Dúvidas? Chama no whats!
E aí, bora aprender a criar sua própria loja online? 😎